Free camping na Represa Perimbó

Logo no terceiro dia de viagem nós já tivemos que fazer uma parada na oficina. Não vamos mentir, isso desanimou um pouco a gente. Sabemos que estamos sujeitos a esse tipo de ‘perrengue’ desde que ligamos o carro e saímos do portão de casa, mas acredito que ninguém que vá viajar fique torcendo para que isso aconteça, ainda mais quando tomamos todos os cuidados possíveis.

Quando o mecânico veio avisar que o carro estava pronto, já havíamos nos conformado um pouco e animados para pegar a estrada. A parada foi em Petrolândia, pois na cidade pretendíamos conhecer a Represa Perimbó, um ponto de pesca e camping gratuito muito famoso da região. Enquanto a Matilda aguardava o conserto, um dos mecânicos nos mostrava fotos e falava porque gostava tanto do lugar, isso nos animava ainda mais.

Logo após o meio dia, quando a Kombi recebeu alta, seguimos sentido a Represa. Fomos conversando e já havíamos acertado que passaríamos apenas para conhecer, tirar algumas fotos e continuaríamos nossa viagem para Urubici. Mais uma vez nossos planos não se concretizaram. Chegamos na represa e nos encantamos com o lugar, era meio de semana e não tinha muitas pessoas por lá. Passamos com a Kombi por toda a estrada e escolhemos um lugar para parar. Não tinha porque não passar uma noite ali, o lugar era mais lindo do que a gente tinha visto em fotos e depois de uma noite na oficina, nos demos de presente uma noite em meio a floresta de pinheiros.

Ao entardecer, começamos ouvir alguns trovões e vez ou outra um relâmpago, não demorou muito para uma chuva começar a cair sobre nós. Foi melhor do que o planejado, o dia estava quente, a chuva fresquinha, não pensamos duas vezes em tomar um banho. Depois de se refrescar, tomamos o café da tarde, iniciamos as nossas tentativas frustadas de pescar alguma coisa e ficamos ali observando tudo a nossa volta, percebendo os detalhes do lugar, os animais na água, os sons dos pássaros. Realmente, fizemos a escolha certa quando optamos por ficar uma noite neste lugar.

Ao anoitecer fizemos uma fogueira e o jantar, logo depois já com o fogo e as luzes apagadas, percebemos o quanto era escuro o lugar em que estávamos. Já fazia tempo desde que tivemos essa sensação pela última vez, depois de um tempo o olho começou a acostumar e ficamos observando as estrelas.

No outro dia pela manhã, fomos acordados pela luz do sol entrando na Kombi e também por um barulho que parecia de um jornal na rádio, e era isso mesmo, agora tinha alguns vizinhos perto do nosso acampamento, aproveitando a manhã cedinho para pescar.

Mais uma vez, com toda a calma do mundo, tomamos nosso café da manhã e ficamos aproveitando a vista antes de sair de viagem. Esse era um dos lugares que não estavam no roteiro e acabaram deixando a viagem ainda melhor!

O vídeo da nossa passagem por lá, já está disponível:

Até mais!

2 thoughts on “Free camping na Represa Perimbó

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *